/ Dicas da Conseg

Por que você deve verificar a taxa de administração antes de adquirir um consórcio

02 Jul 20
2 min

A taxa de administração de um consórcio garante mais segurança e benefícios para o consorciado. Entenda sua importância e como ela é calculada!

O consórcio é uma alternativa muito procurada por quem deseja comprar um bem, como uma casa ou carro, a prazo. Seja pela facilidade de pagamento ou pelas vantagens que a carta de crédito oferece, a opção está cada vez mais consolidada no mercado brasileiro. Segundo a ABAC (Associação Brasileira de Administradoras de Consórcios), em janeiro de 2019, o setor aumentou 4,9% em relação à janeiro de 2018. 

Quem opta por essa modalidade de investimento deve conhecer as taxas de administração. Essa taxa é definida pela administradora do grupo de consórcio. O papel dessa empresa é fundamental para garantir mais segurança e transparência ao grupo e é isso o que você vai encontrar nesse texto.

Continue a leitura e veja como é formada e para que serve a taxa de administração de um consórcio!

Como é calculada a taxa de administração de um consórcio?

A parcela do consorciado é composta pelo percentual correspondente ao Fundo Comum (valor que é destinado para a contemplação dos consorciados), Fundo de Reserva (fundo direcionado à segurança da saúde financeira do grupo que, caso não utilizado, volta aos consorciados ativos de maneira proporcional no encerramento do grupo) e, por fim, a Taxa de Administração (que se trata da remuneração da administradora).
A taxa de administração desse investimento é fixa e corresponde a um percentual sobre o valor da carta de crédito. Ela deve ser estipulada na “proposta de adesão”, antes da assinatura dos participantes do grupo. Seu pagamento é realizado de maneira diluída, fixada nas parcelas do consórcio de acordo com a proposta de adesão.

No consórcio não há cobranças de juros. O pagamento da taxa de administração corresponde ao valor pago à administradora pela gestão do grupo.  

Diferença entre taxa de administração e taxa de juros

Uma dúvida bastante comum para quem deseja realizar o investimento por meio do consórcio é se taxa de administração e taxa de juros significam a mesma coisa. Para entender melhor suas diferenças, vamos entender como cada uma delas é calculada.

  • Taxa de juros: É calculada anualmente em cima do valor residual, após a amortização. Ou seja, são os juros compostos. Dependendo da sua porcentagem, essa taxa pode duplicar o valor do que foi inicialmente contratado.
  • Taxa de administração: No caso da taxa de administração, é fixado um percentual sobre o crédito para todo o período da cota, definido no contrato de adesão.

Agora que você entendeu como é composta a taxa de juros, fica mais fácil de entender por quê do sistema de consórcio ser tão seguro! Entendendo como é composta uma parcela, quais são as taxas que estão embutidas no seu consórcio, fica muito mais fácil investir na sua próxima aquisição!

É sempre válido relembrar que o consórcio não possui taxa de juros, o que torna a opção ainda mais vantajosa.

--

Ainda tem dúvidas sobre a taxa de administração ou consórcio em geral? Comente neste post ou acesse nossas perguntas frequentes! Estamos aqui para ajudar.



Por Conseg
Oferecemos as melhores opções de consórcio de automóveis e imóveis do mercado, com mais de 27 anos de história.

Fique por dentro das nossas novidades