/ Dicas da Conseg

Parcela reduzida no consórcio: como funciona?

06 Dec 19
2 min

Você sabia que é possível optar pela parcela reduzida em um consórcio? Conheça essa opção que ajuda seu planejamento financeiro!

O consórcio é uma ótima modalidade para quem deseja adquirir um bem, mas não pode arcar com o valor total à vista. Além da facilidade de pagar prestações mensais, o consorciado ainda tem a opção da parcela reduzida


Taxas menores, sem incisão de juros e pagamento diluído em muitas parcelas, fazem do consórcio uma opção muito atrativa. Além disso, é possível também optar pela parcela reduzida, o que facilita a aquisição de quem não pode arcar com os custos de uma parcela linear.


O consórcio é uma forma organizada e segura de aquisição, e por isso é tão comum. Entenda o que é a parcela reduzida e porque essa é uma ótima opção para o seu consórcio, a seguir.

Como funciona a parcela reduzida

 O pagamento do consórcio geralmente é feito de forma integral. Isso significa que todo mês o consorciado tem um percentual fixo a pagar para a administradora. Esse valor pode ser reajustado em alguns momentos, durante o tempo de duração do consórcio. 

Isso acontece de acordo com as mudanças de inflação do período, para garantir que todos os participantes do grupo tenham as mesmas condições de compra. A carta de crédito ficará disponível para aquisição do bem após a sua contemplação por sorteio ou por lance! Lembrando que quem ofertar o maior percentual de lance, será considerado o vencedor e caso ocorra empate nas ofertas, o 5º número sorteado em assembleia vale como número chave para o desempate. 



O que muita gente ainda não conhece é o benefício da parcela reduzidaIsso significa que os membros do grupo de consórcio podem quitar o pagamento com valores menores, até o momento da contemplação da cota ou até determinado prazo do plano.

Essa modalidade é ideal para quem não pode pagar o valor integral das parcelas mas não quer perder a oportunidade do consórcio. Paralelamente, esse tipo de parcelamento auxilia na organização financeira, garantindo uma compra ainda mais responsável 

Parcela linear vs. parcela reduzida

 A principal diferença entre a parcela linear e a parcela reduzida é a possibilidade de organização maior do consorciado. Tecnicamente falando, quem escolhe a parcela reduzida, desembolsa, no ínicio do consórcio, um valor mensal menor do que quem escolhe outra forma de quitação. 

É importante ressaltar que durante os sorteios das assembleias gerais, tanto quem paga mensalmente parcelas lineares, quanto quem optou por parcelas reduzidas, têm a mesma chance de contemplação pelos sorteios

Na prática, o pagamento reduzido oferece um valor diferenciado até o momento da contemplação ou prazo previamente determinado. Após a contemplação ou final do prazo reduzido, o valor das parcelas é recalculado, considerando o saldo que ainda falta ser pago, dividido pelo tempo restante do plano.

A parcela linear é o modelo tradicional do consórcio. O consorciado paga do começo ao fim do plano o mesmo valor de parcela, salvo reajustes ao longo do período.

Agora que você conhece mais essa facilidade, que tal aproveitar a parcela reduzida para iniciar o seu consórcio hoje mesmo? Conheça o simulador de consórcio Conseg e veja o melhor plano para sua próxima aquisição. 
Por Conseg
Oferecemos os melhores consórcios automóveis do mercado, trabalhando há mais de 25 anos no mercado.

Fique por dentro das nossas novidades